segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Como Estou Reagindo aos Tratamentos à Candida Albicans e à Vacina

Estou reagindo ou não aos tratamentos à cândida albicans? Sinceramente se os médicos não tivessem perdido tanto tempo a acreditar nos meus sintomas, e não tivessem feito tanta asneira comigo, talvez eu não estivesse como estou, estaria certamente melhor!
Aquela velha história, "não se auto medique, vá ao médico!" concordo, mas porque tantos médicos nos enchem de drogas sem ao menos nos mandarem fazer exames?

Na realidade penso que, o que está mal é a mentalidade que se incutiu no Sistema de Saúde em Portugal, de não tratar da saúde e sim da doença. Os medicamentos de prevenção estão cada vez mais caros e as pessoas só são tratadas quando estão às portas da morte. Eu tenho assistência por SAMS, MÉDIS e SNS e de pouco me esta servindo, pois estou a gastar uma fortuna para estar viva.
O tratamento à Cândida é caro, o que é lamentável pois infelizmente há imensas pessoas a pesquisar o meu blogue aflitas e desesperadas, umas como eu, outras nem tanto.

A questão é quando se suspeita, (o que é difícil, no meu caso tive sintomas de falta de imunidade ao longo de muitos anos, sem que nada descobrissem) quando se começa a fazer crises constantes de renite, sinusite, faringite, bronquite e por aí, sem conseguir resolver o melhor é pedir ao seu médico muito antes de apresentar esse quadro, testes de alergia e não esqueça de pedir aos fungos, pois a cândida albicans é um fungo. Nesses testes pode ainda não apresentar grandes sintomas de alergia à cândida porque ela se esconde. Por isso mesmo acabei apresentando um quadro alérgico que me valeu uma vacina de apenas 30% cândida albicans quando a realidade era outra...

Passei ano e meio fazendo essa vacina, e cada vez estava pior, porque não estava a ser tratada. Valeu-me uma série de infecções, por todo o organismo. A Cândida passeava no meu corpo livremente até que nas análises às fezes por cultura, (devido ao meu estado cada dia pior) lá acusaram que afinal o caso era já bem complicado e que a vacina teria de ser 100% Cândida Albicans.

Por vezes também me feria e tinha má regeneração dos tecidos que infectava as feridas durante algum tempo. A barriga principalmente no verão inchava muito e ficava com gases e quando me dava fome se não comesse sentia-me mal, ficava nervosa a tremer e minha barriga fazia imenso barulho, assim que comia melhorava, mas tudo isso ficava para trás assim como as hipoglicémias que nunca me descobriram a razão.

Descrevo as meus sintomas, para alertar outras pessoas, pois com o trabalho e os afazeres, muitas vezes, quando nos sentimos mal tomamos um anti-inflamatório ou um comprimindo para as dores e continuamos o nosso trabalho, muitas vezes comendo qualquer coisa... ou nada porque o trabalho é mais importante, mas nada deve ser mais importante que nossa saúde!!

Sei também outras pessoas fazem outro tipo de reacções, como infecções de bexiga e vaginais constantes, sem que os antibióticos façam efeito ou infecções de repetição vaginal, eu não comecei assim...
Mas mesmo nesses casos, os ginecologistas nunca mandam a doente ao imunologista, muitas vezes porque desconhecem haver a vacina ou por não acreditarem na mesma.

Eu ainda não estou curada, aliás acabei de ter uma recaída... pois muita coisa conta nestas circunstancias e realmente o tempo não está a ajudar-me nada. Caíram as minhas defesas e com elas eu também.Estou fisicamente cada dia mais fraca e psicologicamente também. Esta doença é extremamente debilitante e cansativa.

O tratamento homeopático é caríssimo e leva muito tempo a agir, mas é menos prejudicial ao organismo. O pior é nos começarmos a tratar quando já não acreditamos na nossa medicina para tratar esta doença, porque aí, já estamos mal, deixámos passar tempo demais.

Digamos que se eu passar mais esta recaída e aguentar o próximo verão e seus calores... muita coisa pode mudar na minha vida, pelo menos as minhas resistências à cândida. A doença não tem cura, o tratamento é para sempre não tão intensivo e a dieta também será para sempre. As marcas da doença essas também serão para sempre, mas nunca se pode desistir ou enfraquecer, porque isso é realmente o que a Cândida Albicans quer apanhar-nos fracos para se apoderar de nosso corpo.

Amanhã vou fazer novas análises e levar mais uma vacina, há 2 dias fui ao Instituto de homeopatia fazer consulta e lá fui para a farmácia homeopática gastar mais 500 €.

o MEU ESTADO NESTE MOMENTO É DE UM GRANDE DESGASTE. Espero deixar aqui as minhas melhoras num próximo post no meu blog.

1 comentário:

Wila disse...

oi meu nome é wila tenha mas um pouco de pasiencia e voçê vai ficar curada para DEUS nada é impossivel e eu determino a sua cura no nome de JESUS.tome oléo de coco todos os dias 3 vezes ao dia não coma chocolate pães e doces até qué fique curada pesevere e descance bastante. um abraço e fique com DEUS.